Aneel aprova edital dos leilões de energia existente

A diretoria da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) aprovou, nesta terça-feira (25/05), o edital dos leilões de energia existente A-4 e A-5. Esses eventos estavam originalmente programados para serem realizados em 11 de junho, mas a data foi alterada para dia 25 do próximo mês, o que também exigiu a alteração da data dos leilões de energia nova A-3 e A-4, sendo remarcados para 8 de julho.


O leilão terá preço inicial de R$ 318,00 por megawatt-hora (MWh), e acontecerão sequencialmente na plataforma virtual da CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica). O objetivo do leilão é obter energia para usinas termelétricas a partir de gás natural ou carvão nacional. Espera-se que esses empreendimentos substituam as usinas de carvão, gás natural, diesel e óleo combustível, cujos contratos expiram em 2021, e mais usinas terminam em 2023.


O contrato terá a duração de 15 anos, sendo que o fornecimento do A-4 terá início em janeiro de 2025 e o fornecimento do A-5 terá início em janeiro de 2026. As usinas participantes do leilão já existem ou se comprometem a entrar em operação comercial antes do início do suprimento, previsto para 1 de janeiro de 2025 (A-4) e 2026 (A-5). Além disso, o Ministério de Minas e Energia excluiu o limite de inflexibilidade, de 50%, das usinas participantes, podendo entrar na competição empreendimento inflexíveis.

Empresas como Petrobras, EDF, Raizen, Copel e Neoenergia apresentaram projetos nas cinco regiões do país. Foram cadastrados na Empresa de Pesquisa Energética (EPE) 88 projetos únicos, somando 43,3 GW de oferta.



Referências:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53174080/aneel-aprova-edital-dos-leiloes-a-4-e-a-5

https://g1.globo.com/economia/noticia/2021/05/25/aneel-aprova-editais-para-contratar-energia-termeletrica-a-gas-ou-carvao-por-15-anos.ghtml


15 visualizações0 comentário